Find us on Google+

Widgets



Lanchei antes de entrar na sala de cinema. Ana Sofia, calada e sentada durante 3 horas não é meta fácil de atingir.
Baseado no best-seller de David Mitchell, junta seis histórias que deambulam entre o século XIX no Pacífico do Sul ao futuro pós-apocalíptico num planeta qualquer que não a Terra. 

Nesta história, as personagens conhecem-se e voltam a conhecer-se entre várias vidas. Nascem e renascem. As suas acções, escolhas e decisões individuais têm efeitos e impactos entre si no passado, no presente e no futuro. Uma alma é moldada de assassino a herói (Tom Hanks - para mim - a salvação do filme), e um simples acto de benevolência tem implicações durante séculos, tornando-se na inspiração de uma “espécie de revolução” (Sonmi - interpretada por Doona Bae)

O filme cansou-me tanto - que numa tentativa de estar atenta às histórias e historietas, em identificar quem era quem e, quem fazia o quê, não consigo fazer aqui uma espécie de texto sobre o filme ou sobre aquilo que vi. Mas serviu para confirmar o meu ódio de estimação por Halle Berry e a minha profunda simpatia por Hugo Weaving.  Queria ter visto mais Hugh Grant  e Susan Sarandon. Jim Broadbent muito interessante e muito carismático. Jim Sturgess e Ben Whishaw ainda muito verdes, à frente de personagens que mereciam mais conteúdo e expressão. 

Tom Tykwer e os irmãos Wachowski foram demasiadamente pretensiosos na abordagem de uma história que podia ser simples e que envolve personagens que se conhecem e voltam a conhecer entre vidas. Que nascem e renascem, com escolhas e consequências que interferem as suas próprias vidas e as vidas dos outros. Mas talvez a culpa não seja só dos realizadores, mas repartida entre eles e aquele que escreveu o livro. Sim, é competente a nível dos efeitos especiais - sobretudo no que às caracterizações das personagens diz respeito. 
Complicaram, puseram naves espaciais, fatos de licra, robots e canibais naquilo que aprendi nas aulas de Religião e Moral (obrigatórias, no meu tempo - sim! no século passado) na escola secundária. ÁMEN! ... ahhhhh é verdade, também li a Profecia Celestina e vi o Amistad. 

Categorias: , ,

6 comentários até agora:.

  1. Nãããããããããoooooo!!!
    Temia que isto acontecesse... Raisparta Wachowski's (tipos ou tipas).
    Ainda não vi Sofia, mas este é daqueles que tenho de ver para crer (ainda por cima porque falaste em licras...)

  2. Então vê e depois volta :)

  3. Estou temendo ver esse filme depois de tantas criticas negativas q esse filme vem recebendo. Bom irei assistir e ver se realmente é o que dizem.

  4. Pois, tenho lido críticas tão díspares acerca deste filme, que não posso deixar de ficar curioso. Lá terei de ir ver. Venha a concordar ou não, adorei a crítica :)

  5. sim... deves ver e depois ter a tua própria opinião.
    não é um filme de meios termos, ou vais gostar ou não vais gostar

    obrigado

  6. obrigado. aguardarei saber o que achaste

Deixe o seu comentário:

Partilhe os seus comentários connosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...