Find us on Google+

Widgets

por Cine31.

Faz hoje dez anos que a destruição e o horror saíram do ecrã de um filme catástrofe para o mundo real: 4 aviões utilizados como armas, e quase 3.000 mortos. Se no século XX perguntasse a um adulto o que viu na TV que nunca esqueceu, muitos responderiam o viagem a Apollo 11 a chegar à Lua, algum Mundial de Futebol ou Jogos Olimpicos. Depois do dia 11 de Setembro de 2001, o mundo não pode esquecer o horror de ver - em directo - centenas de pessoas a serem assassinadas, em fracções de segundo.
Assisti ao embate do 2º avião, e por muito habituado que esteja a ver destruição maciça no cinema e tv, o facto de ser real, de estar a acontecer naquele momento, no outro lado do Atlântico, foi uma experiência inesquecível e angustiante. 

Três meses antes, foi exibido na TV o episódio piloto de "The Lone Gunmen" (um spin-off de The X-Files / Ficheiros Secretos) que previa com detalhes arrepiantes o que estava por vir... 


Anos antes em livros, na BD, etc, o WTC foi destruído várias vezes, como se pode ver por estes exemplos: "September 11 Premonitions"
A vida a imitar a arte?



Vários filmes tiveram cenas passadas (ou de relance) no World Trade Center alteradas para não chocar o público, o cartaz de Spider-Man foi modificado porque as torres eram visíveis no reflexo, e no teaser e na parte final do filme exibiam as torres gémeas do World Trade Center, um ícone global. (Lista de aparições das torres na cultura pop)
O genial teaser trailer de Spiderman:


Alguns videos com as aparições do WTC no cinema e televisão:





Desde então já vários filmes e uma infinidade de documentários sobre esse dia fatídico foram realizados, principalmente de teorias de conspiração. O que é normal atendendo à quantidade de incongruências e bizarrices relacionadas - directa e indirectamente - com os atentados. Mas isso, é outra conversa....

5 comentários até agora:.

  1. Grande artigo, os meus sinceros parabéns

  2. CINE31 says:

    Obrigado Rui, andava há anos para fazer isto, agora pareceu a altura ideial.

  3. Sofia says:

    O 11 de Setembro é dos episódios mais tristes da história contemporânea. Apesar dos 10 anos que já passaram, recordo-me deste dia como se de hoje se tratasse. Lembro-me das imagens a passarem nas televisões vezes sem conta.
    Mais do que os embates dos aviões, o que mais me chocou foi ver as pessoas a saltarem pelas janelas, como se papéis a voarem se tratassem - numa tentativa desesperada de "escolher a morte".

    Foi um dia que mudou o rumo da História, sobretudo porque diariamente o mundo vive no sobressalto de "um bis".

  4. FilmPuff says:

    Lembro-me deste dia como se fosse ontem. Tinha almoçado tarde e estava com a tv ligada a ver o telejornal. Quando mostraram as imagens da primeira torre a arder ainda pensei que, por mais improvável que fosse teria de ser um acidente. Mas não foi e acabou por ser o dia que meio mundo ficou colado à televisão. Foi a primeira grande catástrofe em directo que vi (o vaivém challenger também mas não tem as mesmas repercussões). Demonstrou o tamanho da ameaça vinda do exterior e também o poder massiço dos media. É capaz de ter sido o incidente mais capturado de todos os tempos: câmaras de filmar, telemoveis... Enfim, só é pena que não tenha sido apenas um filme mau.

  5. CINE31 says:

    " só é pena que não tenha sido apenas um filme mau" concordo, concordo!
    O Challenger também foi uma coisa que me impressionou durante anos, até já fiz um artigo noutro dos meus blogs: http://prometheus31.blogspot.com/2011/01/challenger-25-anos-da-tragedia.html

Deixe o seu comentário:

Partilhe os seus comentários connosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...