Find us on Google+

Widgets


Foram umas semanas divertidas e trabalhosas, mas a iniciativa TOP "Os Filmes que toda a gente gosta, mas eu não" - que podia ter tido o subtítulo "Amados por muitos, odiados por alguns" - chegou ao final!
Os nomeados dos 25 TOPs publicados já foram todos contabilizados, o nosso super-computador já gerou complexas estatísticas e... não, eu apenas somei tudo numa folha do Excel. Já temos vencedores que podem ver abaixo, sem mais enrolação:

O grande "vencedor" foi:



..."Lost In Translation", que foi nomeado por um quinto dos nossos votantes, isto é, acumulando 5 votos! Consta que Sofia Copolla está muito triste e a chorar ao som dos Air...

Em segundo lugar ex-aequo, os vencedores são:



 ...cada um deles com 4 votos! A surpresa aqui é "Casablanca", película omni-presente em listas de filmes obrigatórios para o cinéfilo de bom gosto. As aventuras noutros planetas, "Avatar" e "Star Wars", por serem massivos êxitos de bilheteira tornam-se alvos automaticamente, portanto não é de estranhar tanto ódio...

E os filmes que acumularam 3 nomeações cada um foram os seguintes:




Uma lista com bastantes vencedores de Óscares e êxitos de bilheteira, que ganharam o ódio dos nossos votantes! Sobressai na lista o venerado "Mulholland Drive", David Linch haters, anyone?

Segundo as estatísticas do Blogger e do Histats, o post mais lido foi - até ao momento - o do Francisco Rocha, seguido pelos Tops do Armindo Paulo Ferreira, Film Puff, Brain-Mixer e André Marques.

Passo agora a palavra aos meus sócios:


Sofia Santos:
Em primeiro lugar, obrigado a todos, pela paciência de terem sobrevivido ao ataque cerrado de mensagens privadas via Facebook.
Em segundo lugar, um outro obrigado por terem conseguido arranjar tempo e disposição para responderem àquilo que vos solicitamos. Os  três  sabemos como é difícil fazer listas e encontrar palavras para justificar de forma reduzida os tópicos escolhidos.
Em terceiro lugar, nunca pensámos que esta iniciativa tivesse tantos participantes, comentários e visitas, portanto tomem lá mais um OBRIGADO.
Acho que a ideia deste TOP foi minha (se não foi, passa a ser, porque os meus sócios não se atrevem a contrariar-me) e surgiu numa das nossas imensas e loucas conversas a três no chat - sim, somos privilegiados e temos ménages hardcore diárias.
E depois surgiu - no grupo Cine31, a ideia de que era "giro convidar mais malta para isto". E assim foi.
Numa primeira fase cada um de nós, fez o nosso próprio Top e depois fomos recebendo os vossos, tentando publica-los de forma espaçada para que os leitores tivessem tempo de ler e digerir.
Em nome dos três peço desculpa pelo pouco esmero no que à parte gráfica diz respeito, mas muitas vezes a vida profissional e as lides domésticas não permitiram tempo para muito aprumo no que à estética diz respeito.
Podíamos falar sobre todos os tops e filmes escolhidos, de facto podíamos, mas não nos apetece. Até porque os nossos gostos e opiniões iriam entrar em confronto com muitas das vossas escolhas (SIM ESTOU A PENSAR EM LOST IN TRANSLATION) e não é esse o objectivo final - apesar de apreciarmos muito a intifada que aqui se gerou e cujo primeiro pedregulho ou asteróide penso ter sido (e bem) atirado pela Inês Moreira Santos.
Muitos foram aqueles que optaram escolher filmes que "odeiam"de forma directa e quase que se esqueceram de que a ideia era escolher filmes que a "maioria gosta". A meu ver incluíram neste capitulo filmes como os Twilight, que penso que são de facto mais odiados do que amados - retiro da estatística jovens adolescentes (menstruadas à pouco tempo) e que nunca viram um homem nu e acham que os lobisomens são depilados.
Mas a maioria conseguiu escolher filmes polémicos e aclamados por muitos - desde os simples amantes de cinema, à dita critica especializada.

Prometemos não chatear mais ninguém durante os próximos tempos, mas isto foi também uma forma de disfarçar a pouca produtividade no que à "critica cinematográfica" diz respeito. Fica também a promessa de que se pensarmos em mais iniciativas destas, vamos tentar envolver sexo...



Bruno Duarte:
Iniciativas polémicas como esta são sempre as mais divertidas, ora não fossemos nós em pequenos um bando de traquinas que de vez em quando quebrava as regras de propósito. E sejamos sinceros, ainda somos assim.
 A ideia destes Tops foi precisamente essa, abrir um confessionário para as almas que não podem admitir os seus desgostos livremente por temerem ser excluídos do grupo de amigos. Eu, por exemplo, tenho receio que duvidem da minha sexualidade ao admitir que tenho um enorme ódio pelo futebol. De facto, eu tenho um fetiche pela voz do Morgan Freeman mas juro que continuo a gostar de mulheres como a Sofia. Por isso arranco mais uma carica e grito golo com os meus colegas de longa vida. Ou aquilo que me parece ser longo visto que ainda sou um puto.

 No que toca a surpresas, como tivemos tantos participantes de tão variadas preferências cinematográficas, eu esperava ver de tudo e, de facto, de tudo eu vi. Estava curioso para saber esta determinada faceta de muitos dos bloggers que acompanho e não me desapontaram, foi tudo interessante. Mas tenho que admitir que houve um filme que me chocou que estivesse presente num determinado Top. Exactamente, estou a falar do Francisco Rocha que colocou o "The Exorcist". MIND BLOWN.

 Mas não atirei nenhuma pedra aos participantes pois mesmo adorando muitos dos filmes que por aqui apareceram (nomeadamente aquele filme cujo contracto não me permite mencionar), consigo entender perfeitamente não só por perceber onde o filme pode ser fraco como as justificações foram sempre claras e válidas, mesmo as que foram formuladas meramente por 3 ou 5 palavras, quais sublinharam um ódio ainda mais hilariante. Já agora, enquanto que muitos disseram que atiravam pedras devido às escolhas, eu quero relembrar o quanto me ri com o comentário da FilmPuff que disse "Levas com um asteróide".

 E é nesse tom que acho que acabou tudo isto, com boa disposição. Mais do que termos tido muita gente interessada em participar após os nossos convites, houve respeito e brincadeiras entre muitos "colegas" na blogosfera sobre a hipocrisia de cada um nós. Como eu que me atiço por ver o Exorcista num Top quando fui dos que meteu Star Wars. E ainda digo eu que tenho um site de cinema. Ai, isto só visto, realmente..


David Martins (a.k.a. Cine31, a.k.a. Prometheus31)

Cá estou outra vez! Bem, depois das palavras dos meus queridos sócios, pouco tenho a acrescentar, além de repetir os obrigados aos convidados que aceitaram ao desafio, aos nossos leitores por verem a nossa página inicial praticamente só com TOPs e noticias do Batman. Espero sinceramente que todos se tenham divertido, concordando, ou não com as listas elaboradas....

Podem rever todos os TOPs aqui: "TOPs - Os Filmes que toda a gente gosta, mas eu não"

6 comentários até agora:.

  1. Tenho-vos a dizer a todos da equipa do CINE31 que gostei imenso desta iniciativa, foi bastante divertida e ao mesmo tempo informativa de alguns gostos dos bloggers nacionais, e é uma das melhores formas a meu ver de falar e discutir cinema :D

    É um orgulho para mim poder dizer que o Blockbusters tem uns parceiros tão porreiros! ;)

    PS: Ó bruno olha que a do asteróide ainda hoje me dói hehe ;)

  2. Foi uma iniciativa muito interessante e com ela ofereceram uma inesperada forma de dar a conhecer gostos da blogoesfera e muitos outros interessados por filmes.
    Foi uma honra, pessoal "C31", ter participado na vossa iniciativa!

  3. FilmPuff says:

    Eh pah, asteróide acho que fui eu... e com destino ao André Marques. Mas foi um prazer. Foi muito divertido, incluindo as sessões de apedrejamento seguintes. Agora venha daí, "filmes que todos detestam menos eu"

  4. Isto foi uma grande iniciativa, gostei muito de ver listas novas quase todos os dias, de saber mais sobre os gostos do pessoal que participou e, acima de tudo: muitas pedras para quem votou no Lost In Translation! Hehe

  5. CINE31 says:

    Obrigado a todos pelos comentários, a ideia foi mesmo isso, partilhar os gostos e ódios, de forma simples e divertida, sem intenção de fazer uma tese com as conclusões :)
    E já estamos a estudar a ideia do "filmes que todos detestam menos eu" :)
    Stay tuned!

  6. Ui... esse top "filmes que todos detestam menos eu" vai ser tão bom.
    Tenho de pensar nisso... ui... vai ser muito interessante pensar por essa perspectiva.
    Força!!!

Deixe o seu comentário:

Partilhe os seus comentários connosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...