Find us on Google+

Widgets


Por Francisco Rocha


"Filmes que toda a gente gosta, mas eu não", é sem dúvida um desafio pertinente, e uma questão que eu nunca tinha pensado muito. Como cinéfilo, ou um simples amante de cinema, e com tantos filmes passados à minha frente ao longo destes 37 anos, já tive muitos filmes que me desiludiram, outros que nem liguei, mas na realidade nunca pensei muito nos filmes que não gosto mesmo. Simplesmente são filmes que coloco de lado, e deles não me apetece falar.

Por outro lado, eu não sou um crítico de cinema, sou apenas um “divulgador”, que se vê forçado a usar a táctica dos links de downloads para alguém ligar ao seu trabalho, por isso o que vão ver ler aqui é apenas uma opinião como tantas outras.

Esta lista, não quer dizer que eu realmente odeie os filmes, são apenas obras que caíram na minha lista negra, por alguma razão, e que na realidade, eu preferia nem me lembrar. A ordem é totalmente aleatória.



The Wizard of Oz
(Victor Fleming /1939)


Já passaram muitos anos desde a última vez que o vi, e sinceramente não penso voltar a fazê-lo. Filmes com leõzinhos, espantalhinos, e bruxaszinhas não fazem o meu tipo. Não odeio o filme, e penso que faz parte da infância de muita gente, mas lamento.


The Exorcist 
(William Friedkin / 1973)


Deve ter sido dos primeiros filmes que me assustou realmente, mas o grande defeito de O Exorcista é que é um filme que não resistiu bem ao tempo, talvez porque foi copiado demais. A última vez que o vi, deu-me vontade de rir. E penso que não é esse o objectivo do filme. 


Saturday Night Fever
(John Badham / 1977)

Este era o primeiro de uma trilogia de filmes do Travolta que eu abomino, e que seria continuada com Grease, e A Febre Continua. Nem o Stallone teria uma trilogia tão má como esta do Travolta. Odeio o filme, e a música da banda-sonora.


Look Who's Talking
(Amy Heckerling /1989)


Retiro o que disse no ponto anterior. Alguém conseguiu fazer pior que o Travolta, e foi...de novo o Travolta, nesta trilogia que deve ser das piores da história do cinema. Bébés com a voz do Bruce Willis, que não dão uma para a caixa. Devia ter os meus 16 anos, e caí no barrete de ver isto no cinema.




Pretty Woman
(Garry Marshall / 1990)


Nunca gostei nada de comédias românticas, e e escolhi esta para representar este género que tão pouco gosto. Também não gosto nada da música que dá nome ao filme.


The Bodyguard
(Mick Jackson / 1992)


Nunca gostei da Whitney Huston como cantora, e com actriz nem se fala. Felizmente ela só precisou de três filmes para perceber que não tinha jeito para a coisa... Uma coisa que me irritou foi o enorme sucesso de bilheteira naquela altura, mas Kevin Costner era actor da moda em 1992, vinha dos sucessos de Dança com Lobos e Robin Hood – Prince of Thieves.


The Shawshank Redemption 
(Frank Darabont / 1994)


O típico filme de fazer chorar as pedras da calçada. Não desgosto totalmente deste filme, mas fui criando um pequeno ódio de estimação contra ele, pelo simples facto de...ele estar em primeiro lugar no top do IMDB. Em mais de 100 anos de filmes não haverá coisa melhor? Este filme nem foi um êxito de bilheteira, nem ganhou um Óscar, mas está em primeiro. Terão sido hackers?


Transformers - a saga
(Michael Bay / 2007, 2009, 2011)


O senhor Michael Bay até começou por ser um realizador com potencial. Mas depois, quís mostrar ao mundo que podia fazer o que lhe apetecia, e esta saga, é uma lição sobre tudo o que não deve ser o cinema. Mesmo ainda conseguiram atrair-me para uma sala de cinema, na esperança de que as coisas não fossem tão más como pareciam.


Twilight - a saga
(Catherine Hardwicke / 2008)
(Chris Weitz / 2009)
(David Slade / 2010)
(Bill Condon / 2011)


Sinto-me um bocado cliché a escolher estes filmes. É das obras mais criticadas nos tempos que correm, e ao mesmo tempo cada episódio é um sucesso garantido. Até estive para não o incluir neste top, por duas razões: uma é porque conheço mais gente que não gosta, do que gosta. A segunda é porque nunca vi qualquer filme da saga. Mesmo assim não resisti, porque representa tudo aquilo que odeio no cinema da actualidade.


Alice in Wonderland
(Tim Burton / 2010)


Nunca me imaginei a gostar tão pouco de um filme do Tim Burton. Já acompanho a sua carreira hà muito tempo, e ele é um dos realizadores do meu imaginário juvenil. Mas creio que os seus tempos àureos já se foram, o que é uma pena.


Ora bem, o Chico dispensa apresentações. Ele é a wikipédia e o megaupload do mundo da blogsfera cinematográfica nacional e até para além de Elvas (Badajoz à vista). Uma das características mais nobres do Chico é o facto de primar por ser semelhante a todos nós - os restantes humanos - aqueles que não vimos, nem sequer conhecemos a maioria dos filmes que ele vê, fala, ou disponibiliza. Sempre simpático, justo e amigo. É de louvar o ciclópico trabalho que ele tem para disponibilizar aos visitantes do seu blog, os filmes raros e os seus dedicados e famosos ciclos. 
Para aqueles que inexplicavelmente não conhecem o blog de referência do Francisco Rocha, fica (mais uma vez) o link : http://myonethousandmovies.blogspot.pt/

Categorias: , ,

12 comentários até agora:.

  1. Desde 2002 que eu estava curioso para ver esta lista e não me desapontou! Como grande admirador do Chico, eu queria mesmo saber quais os seus ódios e desgostos. Fiquei surpreendido com o Exorcista mas percebo. E também acho o caso do Shawshank bastante intrigante. Confesso que ainda não vi o filme mas conheço a história e embora assim por alto não me fascine não consigo menosprezar o mérito de ser tão aclamado por tanta gente. Mas o filme tem o Morgan Freeman portanto faz sentido.

  2. Sam says:

    O EXORCISTA?! (factor "atira pedras" elevado ao máximo!) Não te perdoo! :P

  3. Sofia says:

    dava-te só um carolo pelo descrédito no Tim Burton

  4. Ao olhar para o teu top já incluía mais uns no meu... :) Não sabia que o Twilight contava. :P
    Quanto ao teu pequeno ódio pelo The Shawshank Redemption, apesar de gostar do filme, acho que tens toda razão, há tantos filmes que lhe são muito superiores...
    Top muito interessante.
    Cumprimentos cinéfilos.

  5. Obrigado pelos vossos comentários. Se não fosse polémico, não tinha piada, hehe.

  6. Os filmes que escolheria não são exatamente estes, mas tuas justificativas são bem lógicas.
    Abraços

  7. The Bodyguard, que montanha de excrementos. O pior é ter tido, aparentemente, uma melhoria da reputação agora que a Whitney Housten morreu :/ Mas concordo com o Samuel quanto a The Exorcist!

  8. Da saga Twilight há dois que são fraquinhos, que são o 2º e o 4º... mas mesmo assim sinto-me sempre atraido em os ver. Interessam-me, confesso.

    Da saga Transformers o segundo é o mais merece ser apontado mas é irresistível e até marcha bem.

    Os outros não merecem assim tanta desclassificação (gosto bastante do Pretty Woman) excepto o "Olha quem fala" que é mesmo trenguinho (tal como a sequela é ainda mais).
    Mas tá engraçada a lista.

  9. CINE31 says:

    Os meus ricos Transformers!! :( Vá, o 2º é muito mau... mas já vi várias vezes!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Alice... como já disse várias vezes achei uma seca do camandro. E tenho que concordar com o Exorcista... apesar de gostar, perdeu muito o impacto.

  10. Enaldo says:

    Eu gosto de Exorcista e Shawshank Redemption, os demais, de pleno acordo contigo.

    Há filmes que eu sai do cinema em pouco tempo, como Evita, Avengers e outros.

  11. CINE31 says:

    É engraçado, acho que eu nunca sai da sala de cinema antes do final de um filme, por muito que não estivesse a gostar :) aguentei sempre ;-)

  12. Hugo says:

    ora bem com muito atraso, estou de acordo com quase tudo Chico, menos com o Alice e o Tim Burton eheh ;)

Deixe o seu comentário:

Partilhe os seus comentários connosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...