Find us on Google+

Widgets

por Sofia;

Quando não se sabe parar é terrível. A série para mim chegava. Ousada, picante, fashion, contemporânea - tinha tudo, e esse tudo era mais que suficiente. Tinha a receita mágica. 
O primeiro filme foi fraco, o segundo foi fraco ao quadrado, este terceiro, não sei o que será... Acho que só com um milagre. 



Correm boatos que Candace Bushnell quer Selena Gomez a interpretar Charlotte York (papel até agora ocupado por Kristin Davis).
Parece que este novo Sex and the City vai ser uma prequela, onde vamos conheçer a história de Carrie, Samantha, Miranda e Charlotte antes dos 30 anos.

De facto, uma desgraça nunca vem só...

15 comentários até agora:.

  1. A Candace parece que já escolheu então.
    Ora eu quero a Shenae Grimes para fazer de Carrie. Sempre que a vejo acho-a a cara dela mais nova.

    Digo que adorei os dois filmes, o 1º é melhor e liga bem à série, o segundo é diferente e o quanto me divertiu... e já esfrego as mãos por mais um. Yeah!!!
    (É... o meu mau gosto consegue gostar disto... que hei-de fazer?)

  2. CINE31 says:

    ArmPaulo!
    Como te atreves a gostar de produtos certificados como lixo pela critica especializada? (SARCASM MODE ON)

    ;-)

  3. Nem sei... mas somos tantos com tanto mau gosto (SARCASM MODE ON) que qualquer dia ainda vai haver uma espécie de holocausto e depois vamos ter de andar a ver estes "nossos" filmezinhos que nem consideram 7ª arte, ás escondidas e sempre a olhar para as portas...

    Vá lá que pode ser que também arranjemos uma equipa que anda por aí a "coleccionar escalpes" e a colocar marcas nalgumas testas desses "demónios críticos".

    A sério: eu gostava da série e vejo este suposto lixo com pleno gosto. O segundo, até vejo imenso nele uma perspectiva de celebração feminina, sobre o saber viver, aproveitar a vida, desfrutar do momento, em mulheres perto dos 50, coisa que não se vê ser tratada com tanta dedicação e foco como está no "Sexo e a cidade 2" (para mim o segundo melhor poster desse ano "carrie on").
    Acho que até nem as mulheres repararam nisso... o desfile fashion era tão grande e tão desmedido que elas perdem-se, penso eu.

    Acho que está mesmo evidente que há uma "geração do vaticinado-mau gosto cinéfilo... mas é tão bom!"

    Só digo isto: com tantas possibilidades de escolha, cada qual deve de apanhar o que gosta e acreditar em si próprios.
    Uma estrela, 1/10, "mau", "horrivel"... who cares?

    Please Lord, let me enjoy the "Sex and the City" movies, ok?

  4. CINE31 says:

    Falou e disse!
    "who cares?" esse é o meu "motto". Por muito (ou pouco) "artístico" que um filme seja, ele é apenas um filme.

  5. Exactamente!

    Outro exemplo: o Sucker Punch...
    Mau, péssimo, vazio e tanta treta que enxovalharam o filme que nem sei de onde ela vem toda.
    Eu... em menos de 24hrs já vi 3 vezes!
    Tudo tão bom, tão bem feito e até tem história a mais.
    Para mim é um assumido 7/10 (ah pois é... agora também já sei classificar os filmes! - muito á frente aqui deste lado...)

    Sex and The City 2, Transformers 3, Sucker Punch, Fast Furious 4, and so on... é preciso saber ver em contexto.
    Eu acho é que certos críticos devem ter é falta de sexo e depois vingam-se literariamente nos filmes cujo segmento é visto por gente que anda bem mais "satisfeita"...
    (Devem ser assim: Acho que vou mas é ver um Bergman por que hoje não há nada... outra vez.)

  6. CINE31 says:

    Gostei da tua teoria da falta de sexo. Explicava muita coisa :)

    Cuidado com isso de um Bergman! Um tipo que gosta de blockbusters ver um Bergman teoriza-se que pode criar um paradoxo e destruir o tecido do espaço-continuo e destruir o Universo! (MORON MODE ON)

    Agora a sério, só conheço o Bergman de documentários. Consegues sugerir-me um para "iniciados"?

  7. O único que vi do Bergman foi o Saraband, que é o último do realizador (morreu depois deste titulo) e acho mesmo o mais recomendável por, segundo sei, ser o mais próximo do cinema convencional. Uma história que parte de mais velhos separados e cuja aproximação vai revelar um drama familiar.

    É uma outra realidade de cinema, temos de admitir que é, com qualidades que nque não se coaduna bem com o cinema que vou chamar dinâmico. Tanta gente elevou o filme que nada de tão especial vi e até me aborreceu de morte...
    Digo que deveria de o ver novamente com uma predisposição certa, que na altura não tinha e por isso nem me aqueceu e fui vendo (assim do tipo ocupado a fazer outra coisa pelo meio - não é isso, não é nada isso)

    O DVD do Saraband até foi vendido em quiosques... (mas estavam sempre por lá).

  8. Sofia says:

    (SARCASM MODE ON)

    o vosso futuro como enólogos é nulo.

  9. CINE31 says:

    Sofia: eu é mais bolos, não gosto de vinho ;-)

    ArmPaulo: agora tive um flashback ao ler o teu comentário, vi um bocado desse filme quando deu na RTP2....aborreci-me e fui-me deitar

  10. É bem capaz... bem fresco ou geladinho, até o pacote marcha. Desde que o "martelo" tenha sido bom.

    Até porque qualquer um sabe ser cinéfilo mas não sabemos discutir de "arquitectura"... ou de "vinhos".

    De enologia só sei distinguir: verde, maduro, tinto, branco, rosé, algumas regiões de norte a sul de Portugal (normalmente termino no Alentejo), os tipos de espumantes, vinhos frisantes, quando são secos, meio-seco, e por aí fora.
    A água engarrafada tenho mais dificuldade em a distinguir... normalmente pela raridade da degustação.

  11. Caramba... reli e a falta de uma palavra muda o sentido do que disse... xii:
    "até o [vinho de] pacote marcha. Desde que o "martelo" [que o fez] tenha sido bom."

    Agora faz mais sentido...
    (e não sei qual era o modo que estava ON...)


    ;-)

  12. CINE31 says:

    LOL Eu também não sei qual o meu modo que estava ON porque não reparei no potencial para duplos sentidos dessa tua frase :-D

  13. Sofia says:

    homens a falarem de Sex and The City, é deveras assustador

  14. Talvez seja a saga que poderia servir de tortura para a minha ilustre pessoa. É tão mau e absolutamente abominável que, mesmo eu que papo tudo e mais alguma coisa da diáspora fílmica, não consigo ver. É daquelas coisas que deviam um atestado de hazard, ou qualquer tipo de advertência do género.

  15. CINE31 says:

    Carlos: somos 2! vi sem querer um episódio da série há uns anos - nada contra quem gosta - mas fiquei horrorizado! O meu leitor multimédia já me avisou para eu nem sequer sacar esses filmes!! ;-)

Deixe o seu comentário:

Partilhe os seus comentários connosco!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...